Tratamento Natural para Alopecia e Queda de Cabelo

A alopecia é a queda de cabelo prematura ou ausência de pelos em uma ou várias partes do corpo.alopecia e queda de cabelo Pode ser cicatricial ou não-cicatricial.

A cicatricial, como seu nome o indica, é devido a um defeito do couro cabeludo que foi reparado com uma cicatriz. A cicatriz é um conglomerado de colágeno e elastina, que não contém folículos pilosos, de forma que não cresce aí o cabelo.

Considera-se que é uma queda normal quando afeta cerca de 25% do cabelo por mês, que é de 100 fios por dia. Se cair muito mais, você deve consultar um médico para que lhe indique um tratamento. A alopecia é diagnosticada quando os cabelos novos são mais finos do que o normal.
A calvície é mais comum em homens e afeta a maioria deles.

90% dos homens maiores de 21 anos, já tem “entradas” e 50% dos homens com mais de 40 anos, tem a área da coroa salgada.

Tipos de Alopecias

Alopecias não é a causa: são muito comuns e melhoram com o programa de reconstrução capilar funciona bem ou espontaneamente.

Os tipos de alopecia classificam-se em:

> Alopecia androgenética:

  • É conhecida também como a calvície prematura ou calvície comum. Afeta muitos homens e algumas vezes as mulheres.
  • Os andrógenos são hormônios que provocam a queda do cabelo.
  • Têm origens genéticas diferentes e que afetam de modo distinto das diferentes zonas capilares.

> Alopecia areata:

  • Tem causa desconhecida, trata-se de áreas em forma de manchas em que o cabelo cai.
  • Está associada ao estresse, tabagismo e infecções.
  • Existem variados tratamentos do loções estimulantes da circulação sanguínea, luz ultra-violeta, injeção de corticoides, etc.

> Alopecia traumática:

Ocorre por ação mecânica, como o uso excessivo de secadores de cabelo, pentes, etc.

> Alopecia por drogas ou fármacos:

Ocorre em pacientes submetidos a quimioterapia ou por excesso de Vitamina A. Se melhora o quadro a suspensão da droga.

> Alopecia por doenças sistêmicas:

hipotireoidismo, diabetes e carências vitamínicas podem produzir a queda do cabelo em algumas pessoas.

> Alopecia por síndromes hereditários:

um exemplo é a atriquia congênita, quando há ausência de um cabelo desde o nascimento.

Quais são as principais causas da queda de cabelo?

  • Disfunções glandulares, como a tireoide, adrenal ou de ovário
  • Gravidez
  • Má nutrição
  • Queimaduras por tinturas
  • Distúrbios psicológicos, como o estresse
  • Genética

Quais são os tratamentos disponíveis?

Os tratamentos podem ser hormonais, nutricionais e de psicoterapia; tratamentos locais como loções e shampoo especiais; ou terapias adicionais, como o laser, e até mesmo a cirurgia.

hairloss blocker é bom

Dente os tratamentos nutricionais o uso do hairloss blocker funciona mesmo e tem se mostrado basta efetivo gerando resultados contra a queda de cabelo

O paciente deve conversar com seu médico qual é o tratamento mais indicado para a sua situação pessoal.

O que fazer para evitar a queda de cabelo?

  • Controlar o estresse e a ansiedade.
  • Alimentar-se de modo mais saudável: consumir alimentos ricos em minerais, como o Zinco e a Vitamina B.
  • Usar shampoo e condicionadores com base de proteínas, com fórmulas que protejam e ajudem a engrossar o cabelo.
  • Pentear o cabelo com um bom pente de dentes largos e uma escova de cerdas naturais, já que são muito mais suaves.
  • Evitar o uso de secadores e pranchas de cabelo em forma frequente.
  • Evitar o uso excessivo de pinches, chapéus, lenços e acessórios no cabelo.

Leia também: Dieta da Oliveira para Hipertensos